Prefeito de Sousa (PB) sinaliza compromisso com a implantação de energia solar

 

Quando o assunto é energia solar, a cidade de Sousa (PB) é destaque no estado da Paraíba. Não à toa, o prefeito da cidade Fábio Tyrone foi convocado ao Centro Pastoral da Paróquia de Santana pela imprensa nacional e internacional, na tarde desta segunda-feira (15/10).

Na coletiva de imprensa Tyrone dividiu as falas com o também prefeito, Jaime Mendieta do município de Pasorapa na Bolívia e participante do Curso Internacional de Energias Renováveis. Eles discutiram as ações para a inclusão de energias eficientes em espaços públicos, diminuição de custos e impactos ambientais.

Na ocasião, o prefeito de Sousa sinalizou o interesse em criar vínculos que possibilitem o diálogo com organizações e instituições que promovam energias renováveis.

“Queremos criar um comitê que envolva prefeitura, comitês privados e pastorais, pois entendemos que é de grande valia. Pensamos que posteriormente esses avanços cheguem também na conta do consumidor e possa garantir energia a preços mais viáveis e com melhor qualidade. A prefeitura pensa também em ter suas contas diminuídas com a inserção da energia solar nos nossos espaços municipais. ” – disse.

Prefeito Fábio Tyrone – “Se temos o sol, por que não explorá-lo? ”

Além disso, firmou parceria com organizações locais que promoveram o evento, para posteriormente subsidiar ações com agricultores da cidade.

“Nós temos o Fazer Negócio, programa de microcrédito, que já implantou milhões em Sousa.  Identificada a possibilidade pelo comitê local, estamos dispostos a colocar o aporte pecuniário para levar placas (fotovoltaicas) para a Zona Rural e poder prover agricultores com essa energia para suas casas, além de aferir renda com isso.”

Foto: Lucas Oliveira
Registro após coletiva de imprensa com jornalistas da imprensa nacional e internacional

Quando perguntado sobre os impasses para a implantação da energia solar nos imóveis públicos, Fábio Tyrone diz que estuda possibilidades. Segundo dados do próprio prefeito, a cidade possui em torno de 26 escolas e 28 postos de saúde, além de cerca de cinquenta imóveis, totalizando mais de 100 espaços públicos.

“Existe uma parceria com a Energisa e uma vontade. Não há como mudar radicalmente, mas estamos ultimando estudos para começar a colocar energia solar em algumas escolas e PSFs. Sousa já prova que energia solar é uma realidade. “ – finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *