Coordenadores Do CERSA Se Reúnem Com Prefeito De Aparecida Para Criação De UGEM

wp_20161207_003
Em pé, Coordenador-Geral do CERSA Cesar Nóbrega

Os coordenadores do CERSA e membros da diretoria da Frente Por Uma Nova Política Energética, César Nóbrega e Walmeran Tríndade, se reuniram, na última quarta-feira dia 07 de Dezembro, com o prefeito reeleito da cidade de Aparecida/PB, Júlio César.  O objetivo do encontro foi discutir a implantação de gestão energética para o município.

Na oportunidade, também estiveram o Secretário de Agricultura Antônio da Viúva, o Secretário de Cultura Laércio FIlho, o presidente do Instituto Cultural Radegundis Feitosa Nunes (ICRAFEN), Chico Lopes; o coordenador do Núcleo de Estudos em Agricultura Ecológica do Sertão Paraibano (NAESP);Chico Nogueira além de outros secretários municipais, vereadores, representantes dos movimentos sociais e a população em geral.

A ação visa a criação, legitimação e capacitação de uma Unidade de Gestão Energética Municipal (UGEM) em Aparecida. Este departamento será responsável por diagnosticar, planejar e gerenciar o uso da energia elétrica de forma eficiente nos centros de consumo do Município. Para tanto, contará com uma equipe formada por uma coordenação de articulação, uma coordenação técnica, uma secretaria e um corpo operacional de eletricistas.

wp_20161207_009
Em pé, Coordenador-Técnico Walmeran Trindade

Segundo Walmeran Trindade, a expectativa é que a prefeitura de Aparecida estimule a sociedade civil a adotar os princípios de eficiência energética, fazendo com que a população conheça as técnicas do consumo consciente de energia.

“É um plano ambicioso que nós vamos desenvolver com bastante cuidado, sem pressa, mas que seja consistente e venha servir de modelo para outras cidades paraibanas. E tudo isso resultará em um menor impacto ambiental, em um cuidado com nosso planeta e na busca pela sustentabilidade,” disse.

Para o prefeito Júlio César, a criação da Unidade de Gestão Energética do Municipio auxiliará na redução dos gastos com energia elétrica, ajudando no equilíbrio das contas públicas sem ter que repassar a responsabilidade para o contribuinte.

wp_20161207_001
Em  pé, Prefeito de Aparecida Júlio Cesar

“Eu estou muito empolgado com o projeto, e não vejo outra saída que não seja aderir a projetos que viabilizem a eficiência energética. A outra saída seria criar mais impostos, contudo a sociedade não suporta mais,” afirmou o gestor.

Após a reunião, o prefeito de Aparecida enviou para aprovação na Câmara de Vereadores, Projeto de Lei criando o Departamento de Iluminação e Gestão Municipal Energética e dotando no orçamento recursos para sua execução.

ENIO MARX – ASSESSOR DE COMUNICAÇÃO DO CERSA

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *