Alunos da Fábrica-Escola participam de Curso Internacional de Energias Renováveis

Os jovens participantes da Fábrica-Escola, projeto que capacita alunos a montar lâmpadas led com garrafas PET, tiveram uma tarde movimentada, no último mês de Outubro. Junto dos coordenadores Aldineide Oliveira e Walmeran Trindade, os alunos Junior Thomas e Vitória Lourenço fizeram parte da apresentação do projeto aos participantes do Curso Internacional de Energias Renováveis, promovido pelo CERSA, Fórum de Mudanças Climáticas e Justiça Social, Cáritas Brasileira e MISEREOR.

No auditório do Centro Pastoral da Paróquia de Santana em Sousa (PB), a plateia era composta por membros de diversas ONGS e ativistas de quatro países, Brasil, Alemanha, Peru e Chile, além de jornalistas da imprensa nacional e internacional. Acompanhou também a apresentação o prefeito da cidade de Sousa, Fábio Tyrone, que inspecionou de perto uma das lâmpadas trazidas pela equipe.

Prefeito de Sousa Fabio Tyrone com uma das lâmpadas feitas na Fábrica-Escola

A professora Aldineide Oliveira apresentou desde o processo de inscrições que aconteceu junto às comunidades rurais e urbanas de Aparecida, bem como a instalação da própria fábrica, que fica localizada na sede do SINTRAF. O professor Walmeran Trindade, um dos responsáveis pela capacitação dos jovens, explicou de forma teórica a montagem das lâmpadas LED e exibiu os kits eletrônicos usados para treinar o conhecimento de componentes e testes de soldagem.

Aos alunos foi dada a tarefa de traduzir a sua experiência com a Fábrica-Escola e o que foi aprendido durante todo o processo. Junior Thomaz, leu com destreza uma poesia escrita por ele mesmo, além de destacar a importância do tempo de trabalho em que esteve na fábrica, cerca de dois meses.  Já a aluna Vitória Lourenço, contou da satisfação de ver seu trabalho realizado. “Depois das primeiras tentativas foi muito bom quando montei uma lâmpada e ela acendeu. É a comprovação de que somos capazes de fazer qualquer coisa. ”

Lâmpadas feitas na Fábrica-Escola

O projeto financiado pelo INEC – Instituto Nordeste e Cidadania com o apoio das instituições como Energisa e ENGESELT, tem como entidade proponente o Instituto Frei Beda de Desenvolvimento Social e parceiros como o SINTRAF – Sindicato de Agricultura Familiar do município de Aparecida e CERSA – Comitê de Energias Renováveis do Semiárido.

2 comentários em “Alunos da Fábrica-Escola participam de Curso Internacional de Energias Renováveis

  • 05/12/2018 em 05:51
    Permalink

    Projetos como este é de grande importância na vida dos jovens, deixará registrado na sua experiência de vida um momento exclusivo de grandes conquistas.
    Parabéns a todos que fizeram este curso acontecer.

    Resposta
  • 18/03/2019 em 07:42
    Permalink

    Fico muito feliz, como ser humano, quando vejo acontecer na prática a verdadeira inclusão social, algo que muitos demonstram preocupação porém, no fundo, não passa de emoções sentimentais efêmeras, nada de concreto, pois ficam dentro das salas de reuniões.

    Resposta

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.